Arcos trabalhará Educação Patrimonial na rede municipal de ensino
14/08/2019 12:01 em Novidades

 A Rádio PCN cumpre o seu papel de colaborar com a educação do município;

projeto será de grande valia para os alunos arcoenses

 

Da Redação da Rádio PCN

Fotos: Rádio PCN/Internet

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ao fim desta semana, em 17 de agosto, é celebrado o Dia Nacional do Patrimônio Histórico. No país, mais de 80 Municípios têm o conjunto urbano protegido em nível federal, sendo 68 tombados, reconhecidos como Patrimônio Cultural do Brasil. Há ainda outras centenas de cidades (dentre elas, Arcos) que abrigam milhares de acervos, edificações, conjunto arquitetônico, bens e outros setores reconhecidos como patrimônio cultural.

A redação da Rádio PCN levou ao conhecimento da Secretária de Educação, Sônia Teixeira, e do Secretário de Cultura de Arcos, Sérgio Garibaldi, um belo projeto cultural, e ressaltou o quanto seria interessante investir em ações de educação patrimonial.

 

Os professores da rede municipal trabalhariam essa matéria, para que os alunos saibam o potencial que o município tem. Os estudantes receberiam material escolar contendo explicações e fotos dos patrimônios do Município, despertando neles a consciência e o amor pela cidade.

 

RECEPTIVIDADE

O trabalho com educação patrimonial nas escolas públicas municipais foi muito bem aceito pelos dois secretários, que vão levar em frente essa empreitada.

 

Secretária de Educação Sônia Teixeira falou sobre esse assunto à Rádio PCN.  

O Secretário de Cultura Sérgio Garibaldi falou sobre esse assunto à Radio PCN.  

A Educação Patrimonial tem a capacidade de auxiliar na concretização de determinações elencadas na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e, consequentemente, de promover a cidadania, contribuindo para a formação de cidadãos conscientes da importância da colaboração da comunidade, junto à atuação do poder público, na promoção e na preservação do patrimônio cultural, assim como estabelecido na Constituição Federal.

 

ARCOS É DESTAQUE

A cidade de Arcos obteve, recentemente, nota 11,74 no ICMS Cultural – exercício de 2019; a segunda maior nota conquistada desde o ano de 1996, quando o critério começou a ser adotado. A excelente pontuação refletirá em mais recursos para investidura em preservação e conservação do patrimônio cultural. Os repasses dos recursos financeiros do Governo do Estado de Minas Gerais aos municípios que pontuaram no Programa serão feitos ao longo do ano de 2020.

Os bens materiais e imateriais que colaboraram para a ótima nota de Arcos: Capela de São Julião; Capela do Sr. Bom Jesus; Gruta da Cazanga; Cruzeiro dos Mártires; Festa de N. Sra. do Rosário; Usina Velha; Distribuidora de Energia; Subestação Distribuidora de Energia; e um Imóvel residencial situado na Praça Martins Dias.

Com algumas informações da CNM

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!